segunda-feira, 11 de junho de 2012

Psiquiatras e psicólogos acreditam que Breivik é criminalmente responsável

O autor confesso dos ataques de julho de 2011 na Noruega, Anders Behring Breivik, é mentalmente capaz para ser criminalmente responsável pelos atentados que fizeram 77 mortos, afirmaram hoje psiquiatras e psicólogos durante o julgamento do extremista de direita.

Os especialistas hoje ouvidos no tribunal de Oslo integram o painel de testemunhas da defesa.

O estado da saúde mental de Breivik é uma das questões centrais do julgamento do extremista, que arrancou a 16 de abril na capital norueguesa.

Breivik, opositor da multiculturalidade e da "invasão muçulmana" na Europa, quer ser considerado mentalmente capaz, para que os seus ideais não sejam invalidados por um diagnóstico de demência.

Um dos peritos, o psicólogo Eirik Johannesen, declarou diante do tribunal estar "plenamente convencido" que Breivik não estava psicótico no momento dos ataques, afirmando que os seus atos não tiveram como origem uma doença, mas sim os seus ideais políticos extremistas.

"Tendo em vista a sua ideologia, não penso que possa ser tratado através de terapia ou de medicação", sublinhou Johannesen, que teve oportunidade de observar o acusado, no total de 26 horas, durante o período de detenção.

Ainda durante o depoimento, Johannesen descreveu que o contacto que manteve com Breivik era "como encontrar Hannibal [Lecter]", a personagem do filme "O Silêncio dos Inocentes".

O extremista de direita foi submetido até à data a duas avaliações psiquiátricas oficiais.

Ainda na audiência de hoje, outra testemunha da defesa, o professor de psiquiatria Einar Kringlen, que inicialmente defendeu a inimputabilidade do acusado, acabou por admitir outro cenário.

"O mal nem sempre é explicado pela doença", declarou diante do tribunal, citando o exemplo do Holocausto.

Os relatórios psiquiátricos oficiais não têm um carácter vinculativo, uma vez que será o painel de juízes do tribunal de Oslo que irá determinar se Breivik é ou não criminalmente responsável.

Breivik foi o autor do atentado à bomba contra a sede do Governo norueguês e de um tiroteio na ilha de Utoya, perto de Oslo, a 22 de julho do ano passado.

Os dois ataques causaram 77 mortos, na maioria jovens que participavam num acampamento da Juventude Trabalhista, na ilha de Utoya.

O extremista de direita reconheceu a autoria dos ataques, mas recusou declarar-se culpado.

Se for considerado culpado, Breivik incorre numa pena de 21 anos de prisão ou de retenção de segurança -- uma pena renovável enquanto o preso for considerado perigoso. Caso seja considerado inimputável, pode ser condenado a internamento psiquiátrico, potencialmente para toda a vida.

A justiça norueguesa divulgou na semana passada que o veredito será conhecido a 20 de julho ou a 24 de agosto.

Fonte: Lusa (Portugal)
http://sicnoticias.sapo.pt/mundo/2012/06/11/psiquiatras-e-psicologos-acreditam-que-breivik-e-criminalmente-responsavel

Ver mais:
Tragédia norueguesa anunciada: Breivik tinha cadastro (Euronews)
Breivik reage à sentença com sorriso (Euronews)
Alívio na Noruega (Euronews)

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget